quarta-feira, 10 de abril de 2013


Uma mulher de verdade e que se preza não quer para si um romance morno, ligeiro, inerte, superficial, sem graça, com lágrimas, pela metade e apagado; Ela quer um Amor quente e apaixonado, duradouro, em movimento constante, intenso, cheio de atitudes, com sorrisos, inteiro e com luz própria. Ela pode até se enganar um minuto, mas logo cai em si se aquilo não a satisfaz plenamente e se não quer valer a pena. O desapego é coisa certa.
Ela não quer só suspiros e sussurros, pele e química, ela quer, acima de tudo, mimos e galanteios, carinho e atenção. Ela aprecia sim passeios, viagens, presentinhos, surpresas, loucuras de Amor, mas ela se derrete muito mais com o respeito, lealdade, dedicação, cumplicidade, companheirismo, cuidado e zelo que ela espera para o seu mundo.
O que conquista uma mulher não é o elogio e o jantar do primeiro encontro, são os paparicos diários que a fazem se sentir desejada, valorizada e amada. É a coroa que o seu amado súdito põe todos os dias em sua cabeça que a faz se sentir a rainha que toda mulher deseja, porque só assim ela ganha forças para também aceitar a condição de plebeia e enxergar e tratar o seu amado diariamente como o seu rei, não como bobo da corte.

- Clara Furtado

Bom Dia,Boa Tarde ou Boa Noite Pra Você....

Que veio me visitar no meu cantinho,fico sempre muito grata com cada visita que recebo aqui e agradeço de coração. O tempo foi ficando ape...