segunda-feira, 25 de julho de 2011

O que são palavras?
De que bocas saíram e em que ouvidos irão morrer?
Algumas, destinadas aos corações
Acabam perdidas no vento,
Outras morrem nos lábios de quem as quer pronunciar.
Às vezes magoam, umas sem querer e outras,
Com tanta violência, que podem mesmo matar.
No entanto, por vezes, são capazes de reconfortar,
Acarinhar e devolver a vida de quem espera por elas.
Eu conheço duas palavras...
Para mim, as mais bonitas do dicionário!
Elas enchem os corações de alegria e as almas de paz.
São flores a desabrochar na primavera,
Doce carícia do sol,
Nostalgia dos tons amarelo – alaranjado do Outono.
A primeira, a que me deu vida:
AMOR,
É cheia de carinho,
De felicidade,
De paixão
E amor por meus amigos.
Amigos,
Que me levam à segunda palavra:
AMIZADE!
Quem disser que vive sem amizade é porque não sabe que já está morto!
Viver sem sorrisos, sem palavras de carinhos, sem uma mão amiga, é impossível!
Para mim, é impensável e até insustentável, a ideia de viver sem ela.
Estas duas palavras
Não preciso de as ouvir, basta-me senti-las.
E podem querer que as sinto, em cada brisa suave que me beija a face,
Em cada gota de chuva, que canta melodias de saudades,
Em cada olhar de carinho
E em cada sorriso de todos aqueles que eu amo.

Bom Dia,Boa Tarde ou Boa Noite Pra Você....

Que veio me visitar no meu cantinho,fico sempre muito grata com cada visita que recebo aqui e agradeço de coração. O tempo foi ficando ape...